Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Era uma vez...e foram felizes para sempre!

No fundo todos gostamos de romances e finais felizes! Aqui ficam pequenas partilhas das emoções que vivemos até ao momento do beijo que nos desperta!

Era uma vez...e foram felizes para sempre!

No fundo todos gostamos de romances e finais felizes! Aqui ficam pequenas partilhas das emoções que vivemos até ao momento do beijo que nos desperta!

A nossa sorte

Nem imaginas o que é que me aconteceu esta tarde, lá no escritório!

Estava de embrenhada em papéis, mails e telefonemas quando fui assaltada pela tua imagem na minha cabeça.

Que engraçado, não achas? Já lá vai o tempo em que isto me acontecia diariamente! Mas o que é certo é que voltou a suceder hoje.
Curioso... Dei por mim recostada na cadeira a pensar em ti, nos teus olhos malandros e teu sorriso de garoto.
Tantas memórias vieram à luz do dia. Diga-se de passagem, tantas boas memórias. O início do nosso namoro, a exaltação a cada encontro, o irmos morar juntos.... um sem número de momentos de partilha.
Deixei fugir uma gargalhada ao relembrar o jantar de ontem. Mais uma noite das tuas experiências culinárias que acabou com pizza congelada. Não fiques chateado por me estar a rir, acredita que não estou a gozar. Bem pelo contrário!

Acho o teu esforço simplesmente adorável!

A certa altura, comecei a interrogar-me de onde vinha tudo isto, assim sem aviso prévio.

Não é que eu tenha dúvidas do que sentimos um pelo outro, nada disso. Mas, a menos que me esteja a esquecer de alguma data especial, hoje é um dia normalíssimo, igual a muitos outros.
Despedimo-nos de manhã, falámos ao telemóvel durante o dia... ESPERA! PARA TUDO!
E como se um raio me tivesse atingido, apercebi-me que desde que saímos de casa, não voltamos a falar.

Eu sabia que ias ter o dia cheio de trabalho, aliás se bem te recordas comentámos entre uma e outra fatia de pizza, que irias estar fechado na sala de reuniões, basicamente todo o dia.

Nunca me tinha apercebido que aqueles quinzes segundos de "está tudo bem?" a meio do dia eram tão imprescindíveis como todas as nossas conversas de horas infinitas.

E mais uma vez surgiu o arrepio na pele e as borboletas no estômago! E a exaltação do próximo encontro disparou!

Tu já viste a sorte que nós temos?